30 de novembro de 2023

SINDPREV realiza ato pela realocação do Hospital Escola Portugal Ramalho

O SINDPREV-AL já acionou diversos órgãos públicos, que emitiram parecer exigindo a saída do Hospital do local de risco.

Cumprindo a obrigação de lutar em defesa das melhores condições de trabalho para os servidores da Saúde Estadual, o SINDPREV-AL realizou na manhã desta quinta-feira (30) um ato público em frente ao Hospital Escola Portugal Ramalho, cobrando do Governo do Estado a realocação do prédio para outra área, já que o local fica praticamente no centro do afundamento do solo que obrigou a saída de mais de cinco mil famílias da região.

O SINDPREV-AL já acionou diversos órgãos públicos, que emitiram parecer exigindo a saída do Hospital do local de risco. O próprio Ministério Público Federal (MPF) determinou a realocação, mas o governo insiste em protelar a decisão, deixando servidores e pacientes em uma situação totalmente arriscada. O local oferece risco iminente de afundamento e desmoronamento.

Na quarta-feira (29) foram registrados diversos abalos na região, levando a Defesa Civil a decretar estado de alerta total, obrigando várias famílias a saírem de suas casas, pois corriam risco de acidente grave.

O SINDPREV-AL exige que os órgãos competentes hajam urgentemente para resolver a situação, que é atualmente insustentável, onde servidores estão no limite da capacidade de trabalho, com aumento constante de estresse devido a situação alarmante.

Assista aos vídeos e veja as fotos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *