15 de março de 2023

Justiça para a farmacêutica Marcelle Christine de Bulhões

Marcelle foi assassinada a pedradas na madrugada do dia 8 de março (Dia Mundial das Mulheres), na Cidade Universitária, em Maceió. O ex-marido dela é o principal suspeito do crime.

NOTA DE REPÚDIO

O SINDPREV-AL, através da Secretaria da Mulher vem a público repudiar veementemente o brutal assassinado da farmacêutica, servidora da Saúde, Marcellle Christine de Bulhões, ao mesmo tempo que exigimos justiça e completa elucidação do crime.

Marcelle foi assassinada a pedradas na madrugada do dia 8 de março (Dia Mundial das Mulheres), na Cidade Universitária, em Maceió.  O ex-marido dela é o principal suspeito do crime.

Nós do SINDPREV-AL nos solidarizamos à família da vítima do possível feminicídio ao mesmo tempo que reforçamos o nosso compromisso de desenvolver ações permanentes de enfrentamento a esta mazela que persiste em nossa sociedade.

Dia 8 de Março foi morta Marcelle, outro dia a Angélica, em outro a Salete…. Quantas e quantas mais mulheres precisarão morrer para que haja uma forte reação da sociedade, dando um basta na violência doméstica ?? Muitas dessas mulheres perdem a vida, têm suas feições deformadas e sofrem além da violência física, também a violência emocional.

Definitivamente, a violência contra a mulher não é um problema privado. É uma questão de saúde pública. Silenciaram mais uma mulher alagoana e sua morte reforça ainda mais a legitimidade da nossa luta. Não deixemos que calem a nossa voz, que tirem as nossas vidas. Não seremos livres enquanto existirem mulheres prisioneiras, sofrendo violência e maus tratos todos os dias.

 

PELO FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES E MENINAS!

POR NENHUMA A MENOS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *