6 de novembro de 2020

Definitivamente, sem novos servidores a fila do INSS não anda; Concurso Público Já!

Hoje seria necessário contratar 21 mil novos servidores para atender aos segurados. Há uma fila virtual com mais de 1,5 milhão de pessoas esperando para serem atendidas no INSS

Após a aprovação da Reforma da Previdência do governo Bolsonaro, em 2019, ficou mais difícil se aposentar ou requerer direitos previdenciários no Brasil. Como se isso não bastasse, quase ninguém consegue atendimento nas agências do INSS, devido ao déficit de servidores(as) trabalhando no atendimento.

Cerca de um terço da força de trabalho na autarquia se aposentou nos últimos cinco anos, período em que houve apenas um concurso público, em 2015, e o INSS não chamou os aprovados. Hoje seria necessário contratar 21 mil novos servidores para atender aos segurados. Há uma fila virtual com mais de 1,5 milhão de pessoas esperando para serem atendidas no INSS*!

Se aprovada, a Reforma Administrativa vai piorar drasticamente o cenário do atendimento no INSS pois haverá terceirização indiscriminada na Previdência Social. Isso significa que o que era antes precário ficará ainda pior! Diga não à Reforma Administrativa!

Esta campanha é promovida pelo Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe) e suas entidades.

Não guarde estas informações para você. Compartilhe este card para seus colegas de trabalho, seus amigos, no seu círculo familiar. Use as hashtags #NaoaReformaAdministrativa#DefendaoServicoPublico#Aposentadoria#Direitos#Pensionistas#INSS#TerceirizacaoNao#ConcursoPublicoJá.

Aposentadoria sim, Reforma Administrativa não!

*Fonte: dados do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *