17 de março de 2020

Nota Oficial do SINDPREV-AL sobre as manifestações do dia 18 de março em defesa do Serviço Público

O SINDPREV-AL exige dos governos (Federal, Estadual e Municipal) e do Parlamento, nas três esferas, a adoção de planos eficazes de reforço ao Sistema Único de Saúde (SUS)

Companheiros e companheiras,

A Direção do SINDPREV-AL acompanha com extrema preocupação a pandemia do Coronavírus (COVID-19) no Brasil e em Alagoas, onde a prevenção é considerada por todos os especialistas a melhor forma de diminuir a propagação da doença.
Diante desta constatação, o SINDPREV-AL suspende sua participação no Ato Público que iria acontecer no dia 18 de março (quarta-feira) em defesa do serviço público e contra a Reforma Administrativa do governo Bolsonaro/Guedes.
O Dia Nacional de Lutas, Protestos e Paralisações, em Defesa dos Serviços Públicos, Empregos, Direitos e Democracia está mantido com paralisações em diversos locais de trabalho. Estas paralisações não contribuem com a propagação do vírus e são uma forma importante de alertar a sociedade e os governantes para os ataques do governo que enfraquecem as políticas públicas.
Vamos continuar mobilizandos nas redes sociais para denunciar os ataques do governo à saúde, educação, aos serviços públicos, às estatais e exigir uma reação enérgica do Parlamento e do Executivo, nas três esferas, em defesa da saúde da população e da economia nacional.
O SINDPREV-AL exige dos governos (Federal, Estadual e Municipal) e do Parlamento, nas três esferas, a adoção de planos eficazes de reforço ao Sistema Único de Saúde (SUS) com a reposição dos recursos que vem sendo sistematicamente cortados da saúde e a suspensão imediata da Emenda Constitucional 95, que congelou o orçamento da União.
A luta continua. Até a vitória!

A DIREÇÃO
Gestão: Unidade, Resistência e Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *