1 de março de 2019

SEPLAG diz que não recebeu notificação sobre desconto da Insalubridade

Em mais uma reunião realizada nesta quinta-feira (28) na Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPLAG), foi cobrado a suspensão do desconto da Insalubridade dos trabalhadores da Saúde durante nas férias e também nas licenças médicas, conforme decisão judicial da Desembargadora Elisabeth Carvalho do Nascimento no ano de 2017.

Participaram da reunião pelo SINDPREV-AL, a diretora Olga Chagas, a advogada Ana Carolina Pereira e pela SEPLAG o Secretário Especial de Gestão, Sérgio de Figueirêdo Silveira e a Chefe de Gabinete, Emmanuelle Nogueira de Medeiros.

Na reunião, o Secretário Especial de Gestão e Patrimônio, Sérgio de Figueirêdo Silveira disse que a SEPLAG ainda não foi notificada oficialmente pelo Tribunal de Justiça (TJ) sobre a decisão da desembargadora, que mais uma vez reitera a suspensão dos descontos. Sérgio Silveira disse que, apesar de estar acompanhando o processo, vai aguardar a notificação oficial.

OUTROS ASSUNTOS

O SINDPREV-AL aproveitou a reunião para apresentar demandas a serem resolvidas pela SEPLAG. Uma delas é a equiparação da Insalubridade de uma servidora do Hospital Ib Gatto (Rio Largo), que recebe a menos. A Chefe de Gabinete, Emmanuelle Nogueira se comprometeu em rever a situação da servidora e fazer os ajustes necessários.

Por fim, o SINDPREV-AL reiterou a luta pela garantia dos direitos dos trabalhadores da Saúde. Não é justo que o trabalhador ao se afastar de suas atividades sejam penalizados com um corte de quase 50% no seu salário.

Nosso Sindicato vem se empenhando em cobrar do governo rapidez no cumprimento das decisões judiciais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *